top of page
  • Foto do escritorBárbara Luksevicius

Dicas de orçamento: como economizar dinheiro sendo estudante

Atualizado: 3 de out. de 2023

Conheça 10 dicas para economizar durante a faculdade e não passar perrengues. Aprenda a controlar suas finanças desde já para aproveitar o melhor da vida universitária com práticas cotidianas e simples que vão fazer toda a diferença no seu bolso.


Vida de estudante não é fácil. Não bastasse lidar com toda a demanda da vida universitária, outro fator bem importante é o financeiro. Muitas vezes, trabalhar e estudar não é possível e mesmo quando é, os salários iniciais do mercado profissional dificilmente conseguem cobrir todas as despesas.

Sendo assim, separamos algumas dicas que podem te ajudar a economizar dinheiro sendo estudante, reduzindo gastos cotidianos e trazendo mais consciência financeira para o seu dia a dia.

Confira a seguir.

10 dicas de como economizar dinheiro durante a universidade:

1 – Determine seu orçamento

Antes de tudo é importante ter em mente: quanto você precisa mensalmente para viver tranquilo? Quais são os seus gastos e quanto você precisa em cada área da sua vida? Anote em um papel ou baixe aplicativos como o CoinKeeper que te auxiliam a determinar um orçamento e manter o controle sobre quanto está gastando com cada tópico. Você pode incluir gastos que vão desde mercado até aluguel, internet, lazer e outros. Saber quanto se gasta por mês é crucial para manter o controle das suas finanças.

2 – Utilize o desconto estudantil para passes de transporte

Você sabia que estudantes tem direito à tarifa reduzida nos transportes públicos? Solicitar o seu passe de estudante para metros, ônibus e trens é uma excelente forma de reduzir gastos com mobilidade. No entanto, fique atento ao utilizar sua cota. O número de passagens oferecidas no valor promocional, geralmente estão atreladas ao número de dias letivos daquele mês. Por tanto, se você utilizar para os fins de semana, poderá ficar sem passe para os demais dias de aula. Outra dica é: arranje caronas! Existem diversas pessoas na universidade que podem fazer trajetos similares aos seus e por tanto, podem te dar carona.

3 – Prefira marmitas ou restaurantes com desconto para estudantes

Na correria do dia a dia, comer fora se faz muito mais prático do que ter que ficar levando comida de casa. Porém, se fizermos as contas esse é um dos fatores que mais pesam no bolso. Isto não significa que você não possa comer fora um dia ou outro, mas evite. Busque levar marmitas ou pesquise restaurantes por perto da sua universidade que ofereçam descontos e valores promocionais para estudantes.



4 – Use e abuse das bibliotecas

Você já parou para pensar quanto gasta com livros e xérox mensalmente? Pois é. Durante os anos universitários, use e abuse das bibliotecas e arquivos em PDF. Além de economizar sendo estudante, você ajuda o meio ambiente reduzindo o consumo de papel. Algumas universidades também costumam oferecer uma cota de impressão que você pode utilizar para imprimir alguns textos de graça. Outra possibilidade é pegar livros e textos emprestados ou comprar usado dos veteranos por um valor bem mais acessível. Uma excelente sugestão para centros acadêmicos é iniciar um sistema de troca onde os alunos mais velhos podem doar seus materiais antigos aqueles que estão iniciando nas matérias.

5- Opte por moradias compartilhadas

Morar sozinho hoje em dia é o sonho de muito jovem por aí, porém nos anos iniciais da vida adulta, pagar o aluguel é uma despesa bem pesada e muitas vezes inviável para muitos jovens. Sendo assim, opte por moradias compartilhadas como repúblicas e casas estudantis. Se possível opte por acomodações nas proximidades da universidade, assim você também economiza com o transporte. Moradias compartilhadas além de serem uma excelente forma de economizar dinheiro sendo estudante, é também, um ótimo jeito de fazer amizades.

6 – Desconto em atividades culturais ou gratuitas

Um dos maiores privilégios de ser estudante é o direito a valores promocionais em cinemas, teatros, concertos e muitos outros eventos culturais, por tanto, use e abuse dos descontos! No entanto, para os meses que a grana estiver muito curta, não se esqueça, o Brasil é cheio de programações culturais gratuitas de ótima qualidade para se aproveitar. Pesquise na agenda cultural da sua cidade eventos como museus, peças de teatro e demais atrações gratuitas que com certeza haverá alguma do seu gosto.



7 – ID jovem – passagens de ônibus interestaduais mais baratas

Você já ouviu falar do ID jovem? Com ele você consegue viajar de ônibus entre diferentes estados pela metade do preço. Por exemplo, se você for jovem de baixa renda na faixa etária de 15 à 29 anos, você pode ir de São Paulo ao Rio de Janeiro pela metade do valor normal. Isto é possível graças ao ID jovem, um documento fornecido pelo governo Brasileiro para aqueles que preenchem os pré-requisitos e estão inscritos no CadÚnico. O melhor de tudo é que para obter este benefício você nem precisa estar matriculado na faculdade. Ou seja, dica de ouro para todos os jovens por aqui, hein? Confira mais informações no site oficial do governo.


8 – Divida contas de streaming

Quem é que não ama passar o fim de semana assistindo um filme depois de estudar a semana toda? O problema é que de streaming em streaming a conta fica alta. Que tal dividir com os amigos? Primeiramente selecione aquelas plataformas que você realmente usa, nada de assinar conta e pagar sem usar. Depois, chame os amigos para integrarem contas famílias. Assim o lazer fica muito mais barato e todo mundo se diverte.

9 – Pesquise bolsas de estudos

Praticamente todas as faculdades hoje em dia possuem programas de bolsa de estudos que oferecem redução no valor da mensalidade do curso ou, te pagam uma determinada quantia por mês para realizar extensões acadêmicas ou até mesmo programas de iniciação científica. Além de serem projetos que valorizam o seu currículo, ainda podem te ajudar a fazer uma graninha ou reduzir os custos com a instituição.

10 – Crie pequenas metas e pare de comprar por impulso

Entenda, nada é eterno. Pode ser que agora você não possa ir no Rock in Rio ver aquela banda que você tanto ama, ou que aquele tênis que você amou tenha que ser comprado mais pra frente. Não tem problema se você não puder sair todo fim de semana e tiver que inventar programas caseiros, entenda: nada é eterno. As vezes precisamos aprender a controlar nossas finanças para sermos capazes de atingir metas e sonhos maiores. Procure se organizar financeiramente e se dê pequenas metas para que você deixe de comprar por impulso e se comprometa com aquilo que verdadeiramente quer. Por exemplo: em janeiro não vou comprar nada, porque em fevereiro quero ter x reais para ir ao Rio de Janeiro. Assim você vai escolhas que vão te trazer muito mais satisfação.



Economizar dinheiro sendo estudante de forma inteligente

Com essas dicas você não só aprende a economizar durante a faculdade, como também a utilizar seu dinheiro de maneira mais inteligente. De nada adianta comer fora todo dia e não poder ir curtir o show da sua banda favorita que só vem ao Brasil uma vez por ano. Ou gastar horrores de transporte e não conseguir almoçar naquele dia que esqueceu a marmita. Analise bem os seus gastos e veja o que pode ser alterado. Pode ser que reduzindo as contas você nem precise mais se preocupar em arranjar trabalhos extras no fim de semana.




10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント


Post: Blog2_Post
bottom of page