top of page
  • Foto do escritorLucas Dadalt

90 anos de USP - Universidade de São Paulo celebra sua história

Atualizado: 18 de abr.

A USP, considerada a melhor universidade da América Latina, chega aos 90 anos de existência. Conheça um pouco da história e algumas curiosidades sobre a USP (Universidade de São Paulo).


USP conquistando o estado de São Paulo

A Universidade de São Paulo construiu, ao longo desses noventa anos de história, uma base para a sua forma de entender, fomentar e compartilhar o conhecimento que se estende por ensino, pesquisa, cultura e extensão. Cada um desses, através dos campi, é levado a diversos lugares do estado de São Paulo, não se restringindo apenas à capital.


A precursora desse espalhamento é a Esalq, como é chamada a Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, sediada em Piracicaba, mas ainda foram construídos campi em Bauru, Ribeirão Preto, São Carlos, Pirassununga e Lorena, um dos últimos a ser incorporado à rede, em 2006.


A história de cada um desses campi é muito interessante e algumas delas são contadas em livros como: Escola de Engenharia de São Carlos USP – Os primeiros tempos: 1948 a 1971, de Paolo de Nosella e Éster Buffa, que foi publicado em 2000 e trata-se de uma trilogia que conta a história dessa Escola mais tarde integrada à USP; e Campus de Pirassununga da USP – Memória e história, que tece relações entre a formação desse campus com o contexto histórico de Pirassununga e do Estado.


Conheça também nosso conteúdo sobre a história da UNESP.


Os 14 presidentes do Brasil que já foram uspianos

A formação qualificada da Universidade de São Paulo garantiu que de lá saíssem grandes cabeças pensantes, cientistas, artistas e também autoridades da cena política.


Dos quarenta e cinco presidentes que o Brasil já teve, 14 estudaram na USP. Campos Salles, Jânio Quadros, Fernando Henrique Cardoso, Temer, Júlio Prestes e Afonso Pena são alguns exemplos.


Os eixos de ensino da USP

Desde sua fundação, em 1934, a Universidade de São Paulo se sustenta sobre alguns pilares:- Faculdade de Direito do Largo de São Francisco (1827)- Escola Politécnica (1893)- Escola de Agricultura de Piracicaba (1901), que mais tarde se tornaria a Esalq- Faculdade de Medicina Veterinária (1919)- Faculdade de Odontologia (1900)- Faculdade de Medicina (1912).


No final dos anos 60, ainda uma nova faculdade foi separada e ganhou novo nome: a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras (FFCL), que se tornaria Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH), Instituto de Física e Instituto de Química.


A comemoração dos 90 anos da USP

A Osusp, como é chamada a Orquestra Sinfônica da USP, em comemoração aos noventa anos da instituição, fará uma apresentação na Sala São Paulo no dia 25 de janeiro25 de janeiro também é a data de aniversário da cidade de São Paulo e foi o dia em que Armando de Salles Oliveira, interventor federal no Estado de São Paulo, assinou a criação da USP em 1934.


A apresentação será regida por Gil Jardim, contará com solos de piano com Nahim Marun, e um repertório riquíssimo. Os ingressos para a apresentação se esgotaram, mas o concerto terá transmissão ao vivo a partir das 18h45.


Além da apresentação, haverá uma exposição que comenta o futuro da universidade, e a entrega da Medalha Armando de Salles Oliveira, solenidade comum desde 2008 e que homenageia instituições parceiras da USP e relevantes ao longo de sua história, ajudando a valorizar e desenvolver a instituição.


Esse momento de solenidade contará ainda com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Sila.No dia 25 também, o Jornal da USP será todo construído envolvendo essa temática com textos e imagens dessa história.


Celebração e legado

Carlos Gilberto Carlotti Junior, reitor da USP, considera que 90 anos é uma data bastante importante e que deve ser comemorada. Para isso, foi criada uma Comissão Executiva para as Comemorações dos 90 anos da USP, da qual, inclusive, a vice-reitora da instituição, Maria Arminda do Nascimento Arruda, também faz parte.


As celebrações pensadas carregam uma simbologia e um reconhecimento sobre a história e importância da USP que vai além da comemoração, oportunizando um balanço ao mesmo tempo em que um olhar pro futuro da instituição.


Toda a agenda do evento, além de registros especiais, poderá ser acessada pelo público comum através do site usp.br. A Comissão determinou uma programação estendida ao longo de todo o ano a partir desse concerto.


Além das atividades de cunho festivo e social, existe também uma preocupação com atividades acadêmicas que visam valorizar a história da USP, que ao longo desses anos oferece à sociedade recursos humanos, com a formação de profissionais qualificados, e também pesquisas que ajudam a sociedade como um todo a se desenvolverem.


Dessa forma, de acordo com a vice-reitora, os 90 anos poderão não ser só celebrados, mas deixarão também um legado com a publicação de obras através da Edusp, que está com edital aberto.


Logo comemorativa aos 90 anos da USP

A identidade visual da melhor universidade da América Latina também ganhou ares festivos e foi incrementado em alusão ao 90º aniversário da USP.


A responsável pela nova marca, Thais Helena dos Santos, é parte da Superintendência de Comunicação Social (SCS) que trabalhou juntamente com a Comissão criada pela reitoria para as comemorações dos 90 anos.A nova logo destaca a tradição da universidade, criando uma imagem que reafirma a relevância da instituição.


O novo símbolo representa a história e tradição da Universidade como uma instituição de ensino forte e preocupada em marcar imageticamente essas nove décadas também para criar uma noção e um sentimento de pertencimento a toda comunidade universitária.


Segundo os criadores, dessa forma, ou seja, lançando ao público visualmente a tradição da universidade, é possível gerar o sentimento de que é essa mesma sociedade que mantém viva a USP.


Edital da Editora da USP (Edusp)

“Ensaios sobre a Universidade de São Paulo por ocasião de seus 90 anos em 2024” é uma iniciativa da Editora da USP de fomento a docentes para a produção desse registro da história da Universidade de São Paulo, além de ensaios sobre ensino, pesquisa e extensão em diálogo com as circunstâncias políticas, sociais, intelectuais e científicas de 1934 até os dias de hoje.

13 visualizações0 comentário

Comentarii


Post: Blog2_Post
bottom of page